FCMSCSP cria projeto para resgatar memória de antigas turmas

Pensando em aproximar os antigos estudantes àqueles das turmas atuais, a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP), em parceria com a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho (FAVC), mantenedora da instituição de ensino superior, criaram o Projeto Santa Memória, que registra em vídeos e áudios depoimentos da vida profissional e acadêmica dos ex-alunos, professores e colaboradores da FCMSCSP.

Criado em julho de 2017, o Santa Memória já conta com 54 vídeos gravados e editados, com a participação de médicos como o pediatra Dr. José Luiz Setúbal, referência pelos projetos em primeira infância. Além dele, participaram alunos da primeira turma de Medicina, formada em 1968, e diretores e ex-diretores da instituição, como o Dr. Paulo Carrara e o Dr. Valdir Golin.

“O Projeto Santa Memória permite que a lembrança da FCMSCSP seja perpetuada durante os anos. Além disso, torna os ex-alunos símbolos de suas turmas e, também, embaixadores da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo dentro e fora da capital paulista, em suas atuais cidades de atuação”, explica o Dr. José Cândido de Freitas Júnior, presidente da Fundação Arnaldo Viera de Carvalho.

Os arquivos do projeto estão disponíveis gratuitamente, via Internet, no site www.santamemoria.org.br. Porém, de acordo com o presidente da FAVC, há a intenção de estender o Santa Memória para outras plataformas.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 123, em 9/2/2018. Assine nossa newsletter: http://www.fcmsantacasasp.edu.br. 

Anúncios

Alunos do curso de Graduação em Medicina da FCMSCSP apresentam trabalhos em conferência internacional

O AIDSImpact é uma conferência internacional, a qual acontece a cada dois anos, tendo como foco pesquisas e avanços na área de ciência comportamental e psicossocial no enfrentamento à epidemia de HIV/AIDS, discutindo prevenção, tratamento e cuidados para comunidades globais e também locais.

Em 2017, a conferência ocorreu na Cidade do Cabo, na África do Sul, com o tema: “O que será necessário para acabar com a epidemia?” Para este evento, a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo contou com a apresentação de trabalhos desenvolvidos pelo Núcleo de Pesquisa em Direitos Humanos e Saúde LGBT+ (NUDHES), coordenado pela professora Maria Amélia de Sousa Mascena Veras e representado na conferência pelo acadêmico do curso de graduação em Medicina Igor Prado Generoso.

Os trabalhos apresentados foram:

Transgender people access to education in São Paulo, Brazil: vulnerabilities and exclusion
Autores: Igor Prado Generoso, Luca Fasciolo Maschião, Aline Borges Moreira da Rocha, Erin C. Wilson, Sean Arayasirikul, Gustavo Santa Roza Saggese, Maria Amélia Vera

Post-exposure prophylaxis use among men who have sex with men in São Paulo: highly concentrated among the most educated and unrelated to number of partners
Autores: Igor Prado Generoso, Luca Fasciolo Maschião, Aline Borges Moreira da Rocha, Maria Amélia Veras

Ambos os trabalhos tratam de aspectos sociais sobre as populações mais afetadas pela epidemia no Brasil, como acesso à educação e à saúde. O trabalho “Transgender people access to education in São Paulo, Brazil: vulnerabilities and exclusion” foi desenvolvido em parceria com os alunos de Iniciação Científica da Faculdade juntamente com pesquisadores do Departamento de Saúde Pública de São Francisco, resultado do contato estabelecido no programa de intercâmbio “Pesquisadores do Futuro”, projeto coordenado pelo Núcleo de Relações Internacionais (NRI) da FCMSCSP e com apoio da Mantenedora da Instituição, Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 121, em 8/12/2017. Assine nossa newsletter: http://www.fcmsantacasasp.edu.br. 

12ª Edição do Programa Expedições Científicas e Assistenciais da FCMSCSP (PECA) acontece em Palmital

Dr.-Paulo-Carrara-de-Castro

Dr. Paulo Carrara de Castro

Em 20 de janeiro de 2016, alunos e professores da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo embarcarão para o Programa Expedições Científicas e Assistenciais da FCMSCSP. O PECA é um programa de extensão universitária, criado em 2004, no qual, durante uma semana, a população de uma cidade do estado de São Paulo recebe atendimentos na área da saúde.  “O PECA 2016 acontecerá em Palmital, entre os dias 20 e 27 de janeiro, já estivemos lá, no início de 2015. Iremos à cidade novamente porque é importante realizar uma análise do ano anterior, se o que fizemos lá foi positivo, se repercutiu na vida das pessoas, se houve mudança no quadro ou situação em que viviam”, explica o Dr. Paulo Carrara de Castro, coordenador do programa e chefe do Departamento de Saúde Coletiva da FCMSCSP.

As populações de Santo Anastácio, Narandiba, Ituverava, Itapeva, Votuporanga e São Sebastião são algumas das comunidades que já receberam o PECA. “Alguns dos critérios para a escolha da cidade são: comportar o número de pessoas participantes, em geral 250, sendo 150 alunos e o restante composto por professores, residentes e médicos. Também buscamos contemplar várias regiões do estado de São Paulo, costumávamos estudar quais precisam mais, mas todas precisam”, esclarece o Dr. Paulo Carrara.

Mantido por meio de patrocínios de hospitais, laboratórios, associações, com o apoio da FCMSCSP e de sua mantenedora, a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, o Programa tem como objetivo, de acordo com o Dr. Carrara, auxiliar as prefeituras e a população, no que for possível, do ponto de vista da saúde.  “Há duas frentes no programa: o atendimento clínico, realizado em uma escola da cidade escolhida, na qual montamos uma estrutura de atendimento; e mutirões de cirurgias no hospital local, que, em geral, é uma Santa Casa. Fazemos cirurgias de hérnia, vesícula, ginecológica, oftalmológica e otorrinolaringológica. Há casos mais complexos em que não realizamos e há outros que transferimos para a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo”, detalha o Dr. Carrara.

Ainda, de acordo com o coordenador do PECA, alunos, médicos e profissionais de outras instituições costumam participar da iniciativa. “Isso é combinado entre os alunos da FCMSCSP, pois eles organizam tudo. Nós, professores, apoiamos, intermediamos com as prefeituras, mas eles que fazem tudo. Acredito que isso faz com que o programa tenha o pique e motivação que ele tem. Os alunos dão valor, é um Programa reconhecido pela Faculdade e conta pontos para o desenvolvimento acadêmico.”

Para a fila de atendimento, os participantes do PECA utilizam como base a estrutura local do Sistema Único de Saúde da cidade. No início de 2015, logo no primeiro dia de atendimento, houve uma demanda de atendimento muito maior do que a esperada, sendo necessário realizar o agendamento para os outros dias. Na edição 2016, está previsto um agendamento prévio, pois o PECA busca somar o atendimento com o aprendizado aos alunos e precisa ser medido e organizado.  “O sentido fundamental do PECA é que, por meio de um programa de extensão, os alunos tenham contato com realidades diferentes daquela que eles vivenciam na FCMSCSP, localizada no centro de São Paulo. Essa é uma iniciativa oposta do que os alunos costumam vivenciar, pois deixam a realidade do centro para vivenciar o interior, aprender a se comunicar e a se relacionar com outras culturas. Isso é muito importante na área da saúde, precisa haver esse tipo de abertura de horizonte da vida, para não ficar limitado”, finaliza o Dr. Paulo Carrara.

 

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 78, em 24/11/2015. Assine nossa newsletter: http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo apresenta tema da campanha publicitária do Vestibular 2016

bastidores-campanha-vestibular

Bastidores da produção de fotos da Campanha 2016 da FCMSCSP

Até 2 de dezembro, estarão abertas as inscrições para o Vestibular 2016 dos cursos de Graduação em Enfermagem, Graduação em Fonoaudiologia, Graduação Tecnológica em Radiologia e Graduação Tecnológica em Sistemas Biomédicos da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Para comunicar ao mercado esse período de processo seletivo, entrará no ar esta semana a nova campanha publicitária da FCMSCSP: “O aprendizado que transforma“.

Criada pelo Departamento de Comunicação e Marketing da Instituição, a nova campanha representa a continuidade da ação “Porque conhecimento é parte da vida”, lançada no ano passado. Em 2015, a iniciativa pretende levar aos jovens vestibulandos a ideia de que a FCMSCSP é uma facilitadora do aprendizado e do estímulo contínuo para o desenvolvimento de conhecimentos, habilidades e atitudes, com o apoio de projetos e programas acadêmicos inovadores. A partir dessa condição, os alunos da Instituição, pelo próprio envolvimento com seus objetivos de crescimento pessoal e com aqueles propostos pela FCMSCSP no decorrer dos cursos – tendo por base a valorização do ser humano –, transformam-se em profissionais ainda mais completos e competentes e colaboram para a transformação das regiões onde venham a atuar no futuro.

Alunos presentes na campanha
Seguindo a iniciativa passada, na qual alunos reais da Instituição ilustraram as peças publicitárias da campanha do vestibular, a FCMSCSP optou por convidá-los novamente, contemplando os que ainda não haviam participado desta ação e que, simbolicamente, representassem os demais estudantes dos cursos de Graduação em Enfermagem e em Fonoaudiologia, além de Graduação Tecnológica em Radiologia e em Sistemas Biomédicos. A produção da campanha, nesta oportunidade,  foi ambientada em alguns dos locais usados pela FCMSCSP para a prática que os programas de graduação oferecem. As peças publicitárias serão divulgadas em meios digitais, como sites especializados e redes sociais, e também em meios impressos e locais de grande circulação que tenham foco no público-alvo para este processo seletivo.

Acompanhe nos próximos dias, no Blog da FCMSCSP, mais detalhes sobre a campanha publicitária do Vestibular 2016.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 74, em 22/9/2015. Assine nossa newsletter: http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Vestibular 2016 – Estão abertas as inscrições para os cursos de Graduação da FCMSCSP

A partir desta segunda-feira, 21 de setembro, estão abertas as inscrições para o Vestibular 2016 dos cursos de Graduação em EnfermagemGraduação em Fonoaudiologia, Graduação em Tecnologia em Radiologia e Graduação em Tecnologia em Sistemas Biomédicos da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.  Os interessados deverão se inscrever até o dia 2 de dezembro de 2015, a taxa de inscrição é de 20 reais.

A prova será realizada no dia 6 de dezembro de 2015, domingo, às 10h, na sede da FCMSCSP, na Rua Dr. Cesário Motta Júnior, 61, Vila Buarque, São Paulo (SP). Confira como serão distribuídas as vagas deste Processo Seletivo:
Vagas ofertadas em Prova Tradicional (Ampla Concorrência)

  • Graduação em Enfermagem: 30
  • Graduação em Fonoaudiologia: 40
  • Graduação em Tecnologia em Radiologia: 40
  • Graduação em Tecnologia em Sistemas Biomédicos: 40

Por intermédio da Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, a mantenedora da FCMSCSP, será concedido nesta modalidade do vestibular 2016 um desconto especial de 50% para as mensalidades dos 10 primeiros colocados, durante todo o curso, em reconhecimento ao desempenho desses candidatos no vestibular. 

Vagas ofertadas com Bolsa de Estudos Integral (Cota Social)

  • Considerando sua tradição e experiência na formação de profissionais na área da saúde, bem como seu compromisso com a inclusão social, a Faculdade atribuirá Bolsa de Estudos Integral a candidatos em situação de carência socioeconômica, desde que aprovados no processo seletivo. As bolsas, oferecidas em regime de Cota Social, serão ofertadas pela mantenedora da FCMSCSP, a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho.  Assim, em cada um dos cursos informados, serão reservadas até 10 vagas de Cota Social. Para mais detalhes, consulte o Edital do Processo Seletivo 2016: clique aqui.


Saiba mais:
Clique sobre o nome do curso para mais informações 

Ex-aluno Dr. José Luiz Egydio Setúbal é empossado como Provedor da ISCMSP

Dr. José Luiz Egydio Setúbal, ex-Santa (formado em 1981 pela FCMSCSP): novo provedor da ISCMSP

Dr. José Luiz Egydio Setúbal, ex-Santa: novo provedor da ISCMSP

A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e sua mantenedora, a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, cumprimentam o pediatra e ex-aluno Dr. José Luiz Egydio Setúbal, empossado no dia 9/6 como o novo provedor da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo.

A FCMSCSP e a FAVC desejam total êxito ao ex-Santa (formado em 1981 pela FCMSCSP) em sua nova missão.

PIBIC 2013-2014: FCMSCSP recebe Comissão Externa

Na manhã desta quarta-feira, dia 26/6, a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo recebeu professores convidados que formam o Comitê Externo para avaliação dos projetos inscritos no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) – Vigência 2013/2014. O Comitê é composto por pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento, credenciados pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A avaliação permite a seleção final dos projetos de pesquisa inscritos, em conformidade com o edital divulgado pela FCMSCSP entre os meses de abril e junho de 2013 e com os critérios estritos de mérito científico e relevância da pesquisa. Esses projetos serão, assim, contemplados com as bolsas dos programas de iniciação Científica CNPq e da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo / Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho.

PIBIC 2