26/9: Dia Nacional do Surdo

Nesta segunda-feira, 26/9, em comemoração ao Dia Nacional do Surdo, professores, alunos e colaboradores da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo vestiram a cor azul. Confira algumas das fotos desta iniciativa:

dsc_0014dsc_0030dsc_0035

Anúncios

Profissionais de Fonoaudiologia: parabéns pela data!

Dia do Fonoaudiólogo

Fonoaudiologia FCMSCSP: optar pela instituição certa faz toda a diferença

Andrea-Caruso-Leone

Andrea Caruso Leone

Formada pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, em 2005, Andrea Caruso Leone é especializada em Audiologia Clínica pela Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e atualmente faz extensão no departamento de Otorrinolaringologia, “centrinho”, da Santa Casa na área de implante coclear. No comando de sua própria clínica, a Fono Alpha, a egressa conta ao Boletim Conectar como se apaixonou pela área de Fonoaudiologia e descreve os motivos que a levaram optar pela FCMSCSP. Confira!

Conectar – Por que optou por Fonoaudiologia? 
Andrea – Sou comunicativa e ao mesmo tempo sempre quis trabalhar na área da saúde. A ideia de poder oferecer melhor qualidade de vida às pessoas sempre me encantou. Vi no curso de Fonoaudiologia a oportunidade de unir uma característica forte da minha personalidade, a comunicação, com a vontade de ajudar as pessoas com alguma dificuldade.

Conectar – E quando decidiu que faria o curso na FCMSCSP? Quais critérios lhe ajudaram na escolha?
Andrea – Sou nascida e criada no interior e queria fazer o melhor curso de Fonoaudiologia. Para isso pesquisei onde teriam os melhores e vim para São Paulo prestar vestibulares. Passei em outras instituições renomadas, mas quando fui chamada na Faculdade Santa Casa de São Paulo e me deparei com um hospital que ajuda milhões de pessoas, não tive dúvidas que ali poderia realizar meu sonho. A arquitetura daquela construção, sua imponência e, ao mesmo tempo, sua simplicidade me passaram uma energia que me fez ter a certeza de que ali era meu lugar. Mesmo sendo o primeiro ano do curso, não tive dúvidas que toda aquela estrutura faria da Fonoaudiologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo um dos melhores cursos do mercado.

Conectar – Pode nos contar um pouco da sua experiência como aluna da FCMSCSP?
Viver de perto a rotina de um grande hospital supervisionada pelos melhores professores nos fez aprender muito. Não somente sobre a fonoaudiologia, mas a lidar com a dura realidade da saúde brasileira. O horário de aula compacto, das 7h às 13h, tem uma carga suficiente para oferecer conteúdo de qualidade e excelência, e ao mesmo tempo por ter a tarde livre, permite que os alunos invistam em grupos de estudos, estágios, dá a possibilidade de dedicarmo-nos às pesquisas e até mesmo para quem precisasse complementar a renda, poderia trabalhar.

Conectar – De que maneira o curso contribuiu para o seu crescimento profissional?
Andrea- Aprender com os melhores professores da área fez toda a diferença. Ali não aprendemos apenas sobre Fonoaudiologia; aprendemos a ser humanos. Não trabalhamos com a doença e sim com o indivíduo como ser único, que precisa de nós, profissionais, por inteiro. Ter, durante o aprendizado, um hospital desse porte e uma clínica à nossa disposição nos deu oportunidade de viver experiências até então vistas apenas em livros.

Conectar – Existem desafios na carreira que enfrenta e consegue aplicar na prática o que foi aprendido na Faculdade?
Andrea – Acredito que o grande desafio de todos, hoje em dia, é o ser humano. As cobranças e a correria do dia a dia, a agenda lotada, a insana luta em conciliar o trabalho com a família, por vezes nos faz escorregar na profissão. E quando essa rotina quer se instalar na nossa clínica, me lembro do que aprendi na e com a Santa Casa e, logo, relembro a equipe. A convivência com a realidade brasileira que é atendida na Instituição, nos faz lembrar que um simples sorriso ao receber o paciente faz a grande diferença. Cada um tem seu tempo e sua necessidade, olhar o paciente como um todo e dar sua devida atenção e importância, como se aquele fosse seu único, primeiro e último paciente é o diferencial no sucesso do tratamento.

Conectar – Hoje, qual a sua relação com a Faculdade?
Andrea – Vejo a Faculdade como uma grande “mãe”, que me acolheu, cuidou e orientou, tornando-me uma pessoa mais forte e preparada para enfrentar novos desafios.  Na época em que cursava a Faculdade Santa Casa de São Paulo, tive um problema muito sério de saúde e não tive dúvidas em fazer meu tratamento no próprio hospital Santa Casa. Precisei, por duas vezes, ficar internada por um longo período onde os professores e amigos me deram um apoio inexplicável, que fez toda a diferença no meu tratamento e cura. Hoje, ao lembrar daquela fase, me emociono,  pois ali conheci o melhor de cada um, vi a competência dos profissionais envolvidos. Fiz amigos que levo e levarei por toda a vida. Sou imensamente grata por poder viver a Santa Casa.

Conectar – Quais dicas dá para quem deseja cursar Fonoaudiologia?

Andrea- É uma área apaixonante. Invista nos estudos e escolha a instituição certa, pois isso faz toda a diferença. Mas a principal dica para qualquer um que estiver em busca de uma carreira, é escolher algo que te dê prazer. Trabalhar com amor traz, além da recompensa pessoal, o sucesso profissional e o retorno financeiro desejado.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 75, em 6/10/2015. Assine nossa newsletter: http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Egressa da 1ª turma do curso de Graduação em Fonoaudiologia da FCMSCSP relata sua trajetória

Thays-Vaiano

Thays Vaiano

Ex-aluna da 1ª turma do curso de Graduação em Fonoaudiologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, Thays Vaiano é mestra em Distúrbios da Comunicação Humana, especialista em Voz pelo Conselho Federal de Fonoaudiologia (CFFa) e, hoje, atende intérpretes em mais de 16 escolas em São Paulo e no Rio de Janeiro. A ex-Santa criou a Ativox Fonoaudiologia, empresa responsável por atendimentos clínicos, corporativos e artísticos para preparação vocal de elencos de teatro, TV e cinema na área de voz, saúde e comunicação, sendo que acaba de ser responsável por realizar a preparação vocal do elenco do filme sobre a vida do lutador José Aldo do MMA (UFC), interpretado por José Loreto, previsto para estrear em 2016 nas telonas. Confira um bate-papo com a egressa.

Conectar: Por que escolheu Fonoaudiologia?
Thays: A cada trabalho novo eu descubro novas razões que me levaram para a Fonoaudiologia, mas o grande motivo foi a voz. Sempre fui apaixonada por música e por cantar. Quando saí do colégio, não sabia direito o que queria fazer e fui para o cursinho. Em uma das minhas aulas, meu professor estava rouco e disse para não estranharmos que uma fonoaudióloga iria entrar em nossa sala para avaliar o uso de sua voz. Naquele momento, pensei: “Olha só, uma pessoa que trabalha com voz”. Após conversar com alguns orientadores do próprio cursinho, optei pela profissão.

Conectar: Quais critérios lhe ajudaram na escolha da FCMSCSP?
Thays: A marca é muito forte e, ainda que estivesse entrando na primeira turma de um curso desta Instituição, tive a certeza de que estava apostando em um curso de qualidade. Havia passado em outros vestibulares e, inclusive, já havia me matriculado em outra faculdade, mas quando entrei na FCMSCSP e vi aqueles corredores de tijolinhos da Santa Casa, senti uma energia indescritível e tive a certeza de que era naquele lugar que eu queria me formar.

Conectar: Pode nos contar um pouco da sua experiência como aluna da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo?
Thays: Minha experiência foi especial e inesquecível, já que a FCMSCSP nos forma não somente como profissionais, mas como humanos. Tive oportunidade de conviver com a realidade brasileira, de entender a diferença entre tratar uma doença e tratar uma pessoa. Tenho certeza que qualquer pessoa que passa pela Instituição sai mais humanizada, por isso, até hoje, quando sei que determinado profissional foi formado pela Faculdade, confio plenamente em sua capacidade técnica e humana.

Conectar: Poderia dizer de que maneira o curso contribui para o seu crescimento profissional?
Thays: O curso é muito rico. Temos o grande privilégio de ter um hospital como a Santa Casa à nossa disposição e professores altamente qualificados em todas as áreas, inclusive uma clínica para atendimentos. Sendo assim, a possibilidade de ter aulas com professores conceituados e ter uma estrutura para aplicar na prática tudo que vemos em sala, fez e faz toda a diferença no curso da FCMSCSP.

Conectar: Que conselhos daria para quem deseja cursar Fonoaudiologia?
Thays: A minha dica é para quem vai escolher qualquer profissão: procure trabalhar com algo pelo qual você sinta paixão. Todas as profissões têm obstáculos e só a paixão é capaz de te manter motivado e focado em seus objetivos. O retorno financeiro nem sempre é rápido, mas ele vem, desde que você acredite que pode fazer a diferença na vida das pessoas e trabalhe para isso. Fonoaudiólogos lidam com a maior riqueza do ser humano que é a comunicação, mas poucos têm essa consciência. Nossa profissão é muito linda, muito ampla e extremamente gratificante.

Confira aqui no Blog FCMSCSP o complemento desta entrevista, em que a ex-aluna relata os desafios na carreira e o relacionamento que mantém com a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 73, em 9/9/2015. Assine nossa newsletter: http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Ex-aluna do curso de Fonoaudiologia relata o porquê da escolha da área

Liliane Laviano

Liliane Laviano

Liliane Laviano ingressou no curso de Graduação em Fonoaudiologia da FCMSCSP, trancou a Faculdade por um ano e foi em busca do sonho de residir fora do país. Trabalhou como voluntária, cuidando de jovens e adultos com necessidades especiais, e retornou para o Brasil com a certeza de que a sua escolha pela Fonoaudiologia estava certa. Formada desde 2009, a Ex-Santa fez Mestrado Profissional em Saúde da Comunicação Humana, também na FCMSCSP, e conta ao Conectar sua trajetória acadêmica e profissional.

Conectar: Por que optou cursar Fonoaudiologia?
Liliane: Ao terminar o ensino médio, a única certeza que tinha era a de que queria uma profissão por meio da qual eu pudesse ajudar pessoas. Fiquei em dúvida entre os cursos de Medicina, Enfermagem e Fonoaudiologia. Marquei algumas conversas com profissionais das áreas mencionadas e cheguei à conclusão que seria fonoaudióloga. Mas a grande certeza de que estava no caminho certo só veio mesmo após o contato com pessoas especiais em minha vivência no exterior.

Conectar: Quais critérios lhe ajudaram a escolher a FCMSCSP?
Liliane: A qualidade do corpo docente composto por professores doutores que contribuem ativamente para o desenvolvimento da Fonoaudiologia. E o universo Santa Casa que me possibilitaria estar dentro de um hospital escola e vivenciar todas as possibilidades de atuação da Fonoaudiologia.

Conectar: Pode nos contar um pouco da sua experiência como aluna da FCMSCSP? Como era a sua rotina?
Liliane: Minha rotina como aluna era bastante corrida, pois junto com os estudos eu também dava aulas de inglês, organizava festas infantis e fazia baby-sitting. Mas apesar da correria, conseguia participar dos eventos organizados pela Faculdade e fiz uma Iniciação Científica, pois acredito que ambos complementam a formação e nos aproximam de profissionais conceituados.

Conectar: De que maneira o curso de graduação em Fonoaudiologia contribuiu para o seu crescimento profissional?
Liliane: Além de toda a excelência de conteúdo, o curso me ensinou a enxergar cada paciente como um ser único em suas dificuldades e habilidades, o que é um diferencial que reflete diariamente na minha prática profissional. Reconheço também que o curso me proporcionou clareza e objetividade para a atuação clínica, além do fato de que a base que recebi me permitiu obter recursos e conteúdos para trabalhar com a promoção de saúde da comunicação por meio de programas de formação de professores. Participei de cursos de curta duração principalmente na área de linguagem, trabalhei em projetos de pesquisa juntamente com a Prof.ª Dra Noemi Takiuchi e me dediquei à implantação e estruturação do Serviço de Fonoaudiologia das Obras Sociais do Mosteiro São Geraldo de São Paulo onde atuo com muita alegria e orgulho desde 2010, além de atender em consultório particular.

Conectar: Existem desafios que você enfrenta ou enfrentou na carreira que lhe permitem aplicar, na prática, o que aprendeu na Faculdade?
Liliane: Como em todas as profissões, conquistar espaço no mercado de trabalho é sempre um desafio para os recém-formados, leva tempo e necessita de atenção e manutenção constantes. Aplico os conteúdos aprendidos tanto na Graduação quanto no Mestrado, e procuro sempre me manter atualizada e em contato com os professores para poder atender a demanda específica de cada paciente, de pais e de professores.

Conectar: O que recomendaria para os que desejam cursar Fonoaudiologia?
Liliane: Busque conhecer todas as áreas de atuação da Fonoaudiologia; compartilhe conhecimentos e experiências com os professores; participe de eventos científicos; participe de eventos sociais; faça uma Iniciação Científica e aproveite muito todos os momentos que os quatro anos de faculdade podem oferecer.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 69, em 14/7/2015. Assine nossa newsletter: http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

2º Encontro de Atenção à síndrome de Down

A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo realiza nos próximos dias 19 e 20 de março de 2015, quinta e sexta-feira, das 17h às 20h,  a segunda edição do Encontro de Atenção à síndrome de Down. A coordenação é da Dra. Sandra Cristina Fonseca Pires, professora do curso de Graduação em Fonoaudiologia da FCMSCSP.

loganNa programação deste evento, serão abordados temas como:

  • “A Vida com Logan”
  • Atenção da Enfermagem
  • Avaliação cardiológica
  • Educação e inclusão
  • Fonoaudiologia: praxia
  • Nutrição funcional
  • Ortopedia
  • Pediatria e multidisciplinaridade
  • Psicologia e família

Local do evento: Auditório Dr. Christiano Altenfelder, na Rua Dr. Cesário Motta Jr., 112, 4º andar (Novo Prédio da FCMSCSP), Vila Buarque, São Paulo (SP).

Confira a programação e se inscreva neste link.

Em 2015, esteja entre os alunos de Fonoaudiologia da Faculdade Santa Casa de SP

Convite Fonoaudiologia Faculdade Santa Casa de SP

A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo convida todos os seus candidatos ao Processo Seletivo do Curso de Graduação em Fonoaudiologia a conhecer a infraestrutura da Instituição e conversar com professores, alunos e ex-alunos. O Encontro com a Coordenação será realizado no próximo dia 28 de novembro, sexta-feira, das 14h às 15h30. Se você ainda não está inscrito, mas também quer saber mais por que a Faculdade Santa Casa de São Paulo será a sua melhor opção na carreira de Fonoaudiologia, inscreva-se e participe. Será um prazer recebê-lo!

Preencha os dados abaixo e venha nos visitar: