Dr. Carillo: nossas homenagens ao mestre

Faleceu nesta segunda-feira, dia 27/5, o Prof. João Carillo, que atuava no Departamento de Morfologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Deixamos aqui registrado o nosso profundo agradecimento pela convivência e por todo o aprendizado que o Dr. João Carillo nos proporcionou, esperando que seus familiares encontrem o conforto necessário para este momento tão difícil.

Nascido em São Paulo, capital, Dr. João Carillo era formado pela Escola Paulista de Medicina (1951). Trabalhou como plantonista do PS da Santa Casa durante a década de 1950. Com o advento da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, continuou trabalhando como cirurgião do INPS até completar 35 anos de trabalho e aposentar-se. Foi também auxiliar do Prof. Dino de Almeida durante 18 anos.

Dr. Carillo era professor instrutor do Departamento de Morfologia desde 1985. Seu vínculo com a instituição foi de 61 anos, sempre atuando como voluntário. Chegava ao Departamento de Morfologia às 5h15, todos os dias, e trabalhava até às 11h45.

Nestes registros de reconhecimentos a seu trabalho, a seguir, manifestamos também todo o carinho que tínhamos por ele.

Na foto à esq.: docentes do Departamento de Morfologia da FCMSCSP, com o Prof. Dr. Richard Halti Cabral, na época presidente da Sociedade Brasileira de Anatomia, quando o Dr. Carillo recebeu homenagem como Anatomista pelos 200 Anos da Anatomia no Brasil, em 2008. À dir., Dr. João Carillo recebe o Prêmio da Sociedade Brasileira de Anatomia, durante o Congresso Brasileiro de Anatomia, em outubro de 2010, na cidade de Ribeirão Preto (SP)

Na foto, à esq.: docentes do Departamento de Morfologia da FCMSCSP, com o Prof. Dr. Richard Halti Cabral, na época presidente da Sociedade Brasileira de Anatomia, quando o Dr. Carillo recebeu homenagem como Anatomista pelos 200 Anos da Anatomia no Brasil, em 2008. À dir., Dr. João Carillo recebe o Prêmio da Sociedade Brasileira de Anatomia, durante o Congresso Brasileiro de Anatomia, em outubro de 2010, na cidade de Ribeirão Preto (SP)