4º Encontro de Atenção à síndrome de Down recebe o projeto social Alma de Batera

sandra_pires

Dra. Sandra Pires, professora do curso de Graduação em Fonoaudiologia da FCMSCSP

Organizado pelo curso de Graduação em Fonoaudiologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, a 4ª edição do Encontro de Atenção à síndrome de Down será realizada nos dias 23 e 24 de março de 2017 e contará com a participação de docentes, profissionais das áreas de saúde e educação e demais interessados no tema.

O Dia Internacional da síndrome de Down, comemorado em 21 de março, foi oficialmente estabelecido em 2006 e tem como objetivo dar visibilidade às pessoas com deficiência e mostrar aspectos relevantes – como saúde mental, sexualidade anatomia e estigma. A síndrome de Down é uma alteração genética resultante da presença de um cromossomo a mais, o de número 21, por isso, também é conhecida como trissomia 21.

De acordo a Dra. Sandra Cristina Fonseca Pires, professora instrutora do curso de Graduação em Fonoaudiologia da FCMSCSP e coordenadora do evento, uma das propostas do encontro é “justamente permitir a discussão para um público diversificado, a troca entre áreas, o que nos proporciona crescimento e melhora profissional, além de conhecer as possibilidades de atuação, encaminhamentos e, assim, beneficiando a pessoa com síndrome de Down e sua família.”.

A cada edição, o encontro busca apoiar um projeto que promova a inclusão das pessoas com síndrome de Down. Desta vez, o projeto apoiado é o Alma de Batera que desde 2008 atende mais de 300 alunos na cidade de São Paulo, buscando estimular e incentivar o potencial e autoestima de pessoas com deficiência por meio da música.

“O Alma de Batera iniciou como projeto e hoje está se formando instituto. O objetivo é promover aulas de bateria, sem diferenciar os alunos, proporcionando a experiência de aprendizado para bateria, com foco nos alunos com síndrome de Down, dentre outras deficiências. A meu ver, é um dos projetos que merece destaque justamente por conseguir olhar para o aluno, independente do diagnóstico de síndrome de Down. Entendo que o adaptar das estratégias faz parte do ensino e isso se torna natural, sendo, assim, um exemplo de verdadeira inclusão”, finaliza a Dra. Sandra Pires.

As inscrições para o evento estão abertas até o dia 22/3, quarta-feira, podem ser realizadas pelo site https://goo.gl/XN0coC e custam 30 reais para alunos de Graduação da FCMSCSP; 35 reais para alunos de Pós-graduação FCMSCSP; 45 reais para alunos de outras instituições e 50 reais para profissionais e demais participantes.

Evento: 4º Encontro de Atenção à síndrome de Down
Data: 23 e 24/3/2017, das 17h às 20h00
Local: Auditório Doutor Christiano Altenfelder (Novo Prédio da FCMSCSP)
Endereço: rua Dr. Cesário Motta Júnior, 112, 4º andar – Vila Buarque – São Paulo (SP)
Site do evento: https://goo.gl/XN0coC
Inscrições: até 22/3/2017, quarta-feira (certificados só serão disponibilizados para os participantes inscritos pelo site do evento)

PROGRAMAÇÃO
23 de março, quinta-feira
17h – Abertura – Prof.ª Dra. Sandra Cristina Fonseca Pires
17h10 – Fonoaudiologia – Prof.ª Dra. Sandra Cristina F. Pires
17h35 – Estigma no campo das deficiências – Prof.ª Dra. Cristiane Silvestre de Paula
18h10 – Coffee break
18h40 – Placas Palatinas – Prof.ª Dra. Rosane Lowenthal
19h15 – Instituto Alma de Batera – Paul Georges Lafontaine
20h – Encerramento

24 de março, sexta-feira
17h – Sexualidade e Autonomia – Prof.ª Dra. Maria de Fátima Joaquim Minetto
17h35 – Musicoterapia – Prof.ª Orlene Queila de Oliveira
18h10 – Saúde Mental – Prof. Dr. José Ferreira Belizário Filho
18h45 – Coffee break
19h15 – Apresentação do Instituto Alma de Batera – Paul Georges Lafontaine e grupo

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 106, em 14/3/2017. Assine nossa newsletter: http://www.fcmsantacasasp.edu.br. 

 

 

Anúncios

Sobre Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo
A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP) é uma instituição de ensino superior com mais de 50 anos de atividades. Tem como mantenedora a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, que também incentiva a realização ou a participação em pesquisas nos âmbitos científico e técnico e estimula, pela promoção ou participação, estudos nas áreas médica, sanitária e social. Oferece cursos de graduação em Medicina, Enfermagem e Fonoaudiologia; graduação tecnológica em Radiologia e em Sistemas Biomédicos, além de diversos cursos de pós-graduação (especialização lato sensu, mestrado ou doutorado) e pós-doutorado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: