Alimentação de três em três horas emagrece?

wagner-montor-fcmscsp

Dr. Wagner Montor, professor do Departamento de Ciências Fisiológicas da FCMSCSP

Quem acompanha dicas de dieta e alimentação saudável, já se deparou com a informação de que devemos nos alimentar de 3 em 3 horas, a fim de acelerar o metabolismo. Será que essa prática, de fato, funciona?

De acordo com o Dr. Wagner Montor, professor do Departamento de Ciências Fisiológicas da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, existem diversos estudos que mostram não haver aceleração do metabolismo com esta prática, mas ele discute os potenciais benefícios do hábito. Estudos publicados no mundo todo mostram que não há diferença em se alimentar 3 ou 6 vezes por dia em relação à ativação do metabolismo ou ganho/perda de peso se a dieta for a mesma, apenas fracionada de modo diferente: “Imagine uma dieta de 1.800 calorias. Um grupo recebe uma dieta em 3 frações de 600 calorias e o outro em 6 frações de 300 calorias. Os resultados mostram que não há diferença na avaliação final e quem recebeu a dieta mais fracionada não tem o metabolismo mais acelerado”, esclarece.

No entanto, segundo o professor de Bioquímica, quando um nutricionista define uma dieta de calorias já restritas para ser dividida em 3 frações apenas, existe uma chance considerável de esta dieta não ser seguida ou ter escapes nos períodos de jejum mais longo entre as frações. O peso psicológico e social da restrição é importante e exige sempre muita determinação. Sendo assim, mesmo que não haja ativação de metabolismo, há benefícios no fracionamento, especialmente em uma fase de adaptação. “Se o nutricionista recomenda um fracionamento das mesmas calorias em 6 vezes, a chance de adesão à dieta é maior, porque o indivíduo não se sente tão restrito e é claro que chega a cada refeição com menos fome”, explica.

Notem que estamos falando de dieta de restrição calórica, para perda de peso. Para este objetivo, no entanto, seria interessante até ter períodos de jejum mais longos, fracionando menos e há trabalhos mostrando o benefício desse jejum mais longo, quando o indivíduo está hormonalmente mais apto a consumir suas reservas de gordura. Porém, a chance de adesão a isto sem um período de adaptação, redução de porções, redução calórica total, é pequena e a fase do fracionamento maior auxilia nesta adaptação. Dietas para manutenção de peso ou ganho de massa magra, se beneficiam muito mais nitidamente da alimentação de 3 em 3 horas.

O Dr. Wagner reforça que não há fórmulas mágicas e cada indivíduo precisa encontrar sua maneira de se relacionar com os alimentos, o que muda de acordo com a pessoa e também com o objetivo e fase da dieta. Não é só questão de fracionar e contar calorias, mas saber escolher as fontes de caloria e principalmente de nutrientes mais adequadas para cada situação. O apoio de um nutricionista é fundamental para quem busca reeducação alimentar. “Alimentar-se de 3 em 3 horas não ativa o metabolismo, mas não se pode negar que apresenta benefícios por aumentar adesão à dieta, evitar a fome excessiva em cada refeição permitindo controle de porção e até para se acostumar com menores volumes”, finaliza.

Quer entender mais a respeito do assunto? Acesse o post completo da página Wagner Cientista, no Facebook.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 98, em 4/10/2016. Assine nossa newsletter:http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Anúncios

Sobre Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo
A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP) é uma instituição de ensino superior com mais de 50 anos de atividades. Tem como mantenedora a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, que também incentiva a realização ou a participação em pesquisas nos âmbitos científico e técnico e estimula, pela promoção ou participação, estudos nas áreas médica, sanitária e social. Oferece cursos de graduação em Medicina, Enfermagem e Fonoaudiologia; graduação tecnológica em Radiologia e em Sistemas Biomédicos, além de diversos cursos de pós-graduação (especialização lato sensu, mestrado ou doutorado) e pós-doutorado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: