Hipotireoidismo: doença autoimune está relacionada com fatores genéticos

osmar-monte-fcmscsp

Dr. Osmar Monte, endocrinologista, professor titular e vice-diretor da FCMSCSP

O hipotireoidismo é uma deficiência na produção de um hormônio da tireoide, chamado tiroxina, que tem como principal função regular a velocidade do metabolismo energético, e na criança também controla o crescimento. A causa mais frequente do hipotireoidismo é a doença tireoidiana autoimune, conhecida como tireoidite de Hashimoto, uma inflamação da tireoide causada por um erro do sistema imune.

Apesar dos sintomas conhecidos, como o ganho de peso e a queda dos cabelos, segundo o Dr. Osmar Monte, endocrinologista, professor titular e vice-diretor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, o hipotireoidismo é uma doença de insidiosa, com início muito lento, por isso, quando na fase inicial, a pessoa praticamente é assintomática, o que é um alerta para ter os exames em dia. “Os sintomas iniciais não são sugestivos. A pessoa pode sentir um pouco de sonolência, indisposição, o que são sintomas que várias situações podem acarretar”, explica.

A patologia é geralmente mais comum em mulheres e tende ser mais frequente à medida que as pessoas envelhecem. Além disso, de acordo com o Dr. Osmar Monte, existe outro grupo de risco para o hipotireoidismo. “Por se tratar de uma doença autoimune, existe herança familiar. Quem tem familiares com hipotireoidismo tem risco maior de desenvolver a deficiência”, afirma.

O diagnóstico do hipotireoidismo é feito pela história clínica, exame físico e a confirmação pelo exame laboratorial com a medida do TSH, seguida da medida do T4 livre. “Para se achar a etiologia, ou seja, a causa do hipotireoidismo, devemos também medir os anticorpos contra tireoide”, conta o endocrinologista. O tratamento da patologia é feito por meio da reposição da tiroxina. “O paciente diariamente toma uma dose de tiroxina de tal modo a se manter a função da tireoide em valores normais para sua faixa etária”, finaliza.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 97, em 20/9/2016. Assine nossa newsletter:http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Anúncios

Sobre Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo
A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP) é uma instituição de ensino superior com mais de 50 anos de atividades. Tem como mantenedora a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, que também incentiva a realização ou a participação em pesquisas nos âmbitos científico e técnico e estimula, pela promoção ou participação, estudos nas áreas médica, sanitária e social. Oferece cursos de graduação em Medicina, Enfermagem e Fonoaudiologia; graduação tecnológica em Radiologia e em Sistemas Biomédicos, além de diversos cursos de pós-graduação (especialização lato sensu, mestrado ou doutorado) e pós-doutorado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: