Homens devem ficar atentos à prevenção do câncer de próstata

Dr. Marjo Deninson Cardenuto Perez, urologista e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo

Dr. Marjo Deninson Cardenuto Perez, urologista e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo

Depois do Outubro Rosa, campanha de prevenção do câncer de mama, o mês de novembro é dedicado à conscientização a um dos males mais comuns aos homens: o câncer de próstata. Com cerca de 98% de chances de cura, se detectado precocemente, ele é provocado pelo aparecimento de tumor na região e pode ser localizado facilmente por exame clínico.

Mais comum a partir dos 50 anos, o câncer, geralmente, não é acompanhado de sintomas. Segundo o Dr. Marjo Deninson Cardenuto Perez, urologista e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, quando o homem tem dificuldade ao urinar, sente dores nesse processo ou vê presença de sangue, pode significar presença de tumor, porém só é possível sentir esses incômodos quando o distúrbio já está em fase avançada.

“O tumor tem início dentro da próstata. Quando se detecta nesse estágio, as chances de cura são enormes. Já quando ele atinge um tamanho maior e se estabelece também do lado de fora, é necessário tratamento com alguns remédios e cirurgia. Felizmente, a medicina avançou muito e já contamos com tecnologia suficiente para deter o avanço desse câncer”, afirma o Dr. Perez.

O professor também explica que o histórico familiar é agravante na predisposição do organismo a desenvolver o mal. “Homens em que o pai, irmão ou tio já teve câncer de próstata têm duas vezes mais chances de desenvolver o tumor. Já os que o pai e o irmão tiveram, a possibilidade é quatro vezes maior”, comenta.

Se precocemente constatado, o câncer de próstata conta com tratamento farmacológico, acompanhamento profissional e, em alguns casos, cirurgia. Por isso, a recomendação do especialista para os homens é que tenham o hábito de fazer o exame anualmente para uma possível detecção de tumor ainda no estágio inicial.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 54, em 18/11/2014. Assine nossa newsletter:
http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Pós-graduação 2015 na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de SP

Pós 2015 FCMSCSPA partir desta segunda-feira, dia 1º/12, estarão abertas as inscrições para os cursos de pós-graduação (especialização lato sensu) da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. A taxa de inscrição é de 50 reais até 10/2/2015 e de 75 reais para inscritos de 11/2 a 23/2/2015.

Para conferir mais detalhes, clique no nome dos cursos a seguir:

Venha estudar na Faculdade Santa Casa de SP

Agradecemos o seu interesse no Processo Seletivo do Vestibular 2015 da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Devido à manutenção programada de nosso Portal, entre os dias 19 e 23/11, a sua inscrição no Vestibular 2015 poderá ser feita assim que o sistema retornar à normalidade. Caso o link deste Processo Seletivo apresente erro ou dificuldade para seu acesso, recomendamos deixar seus dados no preenchimento do formulário abaixo a fim de que possamos avisá-lo assim que a manutenção estiver concluída. Desde já, ficamos muito honrados com a sua visita!

Porque conhecimento é parte da vida Campanha Vestibular FCMSCSP blog

Preencha os dados a seguir:

Confira também nossos posts sobre o Processo Seletivo:

Em 2015, esteja entre os alunos de Fonoaudiologia da Faculdade Santa Casa de SP

Convite Fonoaudiologia Faculdade Santa Casa de SP

A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo convida todos os seus candidatos ao Processo Seletivo do Curso de Graduação em Fonoaudiologia a conhecer a infraestrutura da Instituição e conversar com professores, alunos e ex-alunos. O Encontro com a Coordenação será realizado no próximo dia 28 de novembro, sexta-feira, das 14h às 15h30. Se você ainda não está inscrito, mas também quer saber mais por que a Faculdade Santa Casa de São Paulo será a sua melhor opção na carreira de Fonoaudiologia, inscreva-se e participe. Será um prazer recebê-lo!

Preencha os dados abaixo e venha nos visitar:

 

 

Atenção ao Trauma

Com realização do AVISA (Núcleo de Acidentes e Violências da Santa Casa de SP), Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, foi realizado nesta sexta-feira dia, 14 de novembro, o Dia da Atenção ao Trauma – Estratégias e Desafios para o Enfrentamento da Violência.
Dia de Atenção ao Trauma FCMSCSP

Conscientização sobre a saúde do homem

Novmebro AzulNo próximo dia 17/11, segunda-feira, professores da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo irão proferir palestras no encontro “Novembro Azul – Conscientização da saúde do homem”.
A iniciativa é da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e do Hospital Santa Isabel.

Programação:

    • 10h: abertura
    • 10h20: “Câncer de próstata: driblando o preconceito”, com o Dr. Marjo D. Cardenuto Perez, professor adjunto de Cirurgia da FCMSCSP
    • 11h: “Tabagismo e Câncer”, com a Dra. Marineide de Carvalho, professora assistente de Clínica Médica da FCMSCSP

Local: Auditório do Hospital Santa Isabel, na Rua Jaguaribe, 144, Vila Buarque, São Paulo (SP)

Viagens: conhecendo a anatomia do Planeta Terra

Liga MorfoA Liga de Morfologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo realiza nesta segunda-feira, dia 10/11, a partir das 17h30, o evento “Viagens: conhecendo a anatomia do Planeta Terra“. O convidado é o Dr. José Luiz Chambô, professor assistente do Serviço de Urologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

O encontro será realizado no Departamento de Morfologia da FCMSCSP, na Rua Dr. Cesário Motta Jr., 112, Vila Buarque, São Paulo (SP), no novo prédio da Faculdade. Para mais informações, entre em contato pelo e-mail: angelochelotti@gmail.com.

Health and Community Program

A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo recebeu, por meio do Health and Community Program – Spring 2014, estudantes de reconhecidas universidades norte-americanas. O programa acontece pela quinta vez na FCMSCSP e é intermediado pelo Núcleo de Relações Internacionais da Instituição. Na foto, a Dra. Maria Amélia Veras e o Dr. Osmar Camargo, integrantes do NRI.
0002 Healthy

 

Semana da Dislexia

Dra. Ana Luiza Navas, diretora do curso de Graduação em Fonoaudiologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, convida a todos a refletirem sobre a dislexia:

 

Você sabe o que é Dislexia?

Conheça mais detalhes com a Dra. Ana Luiza, neste vídeo do projeto Educasus, gravado em 2013:

Dislexia Dra. Ana Luiza

5 dicas para manter uma alimentação saudável

Incluir vegetais e legumes diariamente nas refeições pode ser altamente benéfico ao organismo. Manter uma dieta balanceada com alimentos de diferentes propriedades pode auxiliar não somente na manutenção do peso, mas também, para elevar a qualidade de vida.

Dr. Fernando Spagnuolo, endocrinologista e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo

Dr. Fernando Spagnuolo, endocrinologista e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo

Segundo o Dr. Fernando Spagnuolo, endocrinologista e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, a má alimentação pode resultar em problemas de saúde como hipertensão, diabetes, colesterol alto, obesidade e até mesmo problemas cardíacos. Por isso, o professor apresenta dicas básicas para incluir na rotina diária:

1 – Evitar consumir carne vermelha

A carne vermelha possui alto teor de gordura e muitos resíduos tóxicos o que pode dificultar o metabolismo. Para manter uma alimentação balanceada, o ideal é ingerir no máximo três vezes por semana alternando o consumo com carne branca e peixe.

2 – Reduzir o consumo de laticínios integrais

Os laticínios integrais – queijos, manteiga, leite – também possuem muita gordura, o que pode causar problemas ao organismo. Segundo o professor, existem duas saídas para não comprometer a saúde: reduzir o consumo a uma porção ao dia ou substituir o leite pelo desnatado e consumir apenas queijo branco.

3 – Evitar grande quantidade de sal

Ingerir muito sal (ou cloreto de sódio) pode representar riscos à saúde. Além da retenção de líquido que ele provoca, o alto consumo de sódio é responsável por aumentar a pressão arterial causando a hipertensão, mal que atinge grande parcela da população e provoca alto índice de mortalidade no país. Em média, o brasileiro consome 6 gramas de sal por dia. De acordo com o doutor Spagnuolo, o ideal é ingerir 2 gramas.

4 – Beber muita água

Essencial para a hidratação do corpo, beber muita água durante o dia pode auxiliar o organismo em diversos processos do metabolismo. Beber de 6 a 8 copos – cerca de 2 litros – por dia é importante para evitar cálculos renais, inchaços, hipertensão e desidratação da pele e dos cabelos. Além disso, o ato de beber água pode ser aliado de quem deseja emagrecer, já que proporciona sensação de saciedade e auxilia na digestão.

5 – Incluir uma porção de fruta em todas as refeições

As frutas possuem diversas propriedades benéficas ao organismo. O ideal é incluir uma fruta com casca em todas as refeições durante o dia. A ressalva fica para os sucos que, geralmente, perdem muito da propriedade nutritiva, pois além de se adicionar açúcar ou adoçante, elimina-se a casca – onde há maior concentração de fibras e vitaminas.

O especialista ainda acrescenta que é muito importante evitar o consumo de produtos industrializados. “Qualquer alimento que passa por processos industriais perde a maior parte dos nutrientes naturais. Alguns processos, inclusive, podem ser prejudiciais à saúde”, finaliza o professor Fernando Spagnuolo.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 53, em 4/11/2014. Assine nossa newsletter:
http://www.fcmsantacasasp.edu.br.