Seminário aborda direitos humanos de travestis e transexuais

Dra. Maria Amelia Veras, professora da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, coordenadora do encontro e do Projeto Muriel

Dra. Maria Amelia Veras, professora da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, coordenadora do encontro e do Projeto Muriel

Idealizado a partir do Projeto Muriel, pesquisa financiada pela Fapesp, que irá estudar as vulnerabilidades e o acesso a serviços e direitos da população de travestis e transexuais em São Paulo, o Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo promoverá o “I Seminário de Direitos Humanos e Saúde: um olhar sobre a população de travestis e transexuais”, no dia 12 de setembro, sexta-feira, às 13h, no Anfiteatro Prof. Dr. Emilio Athié, em São Paulo. O evento propõe a análise e discussão da situação atual no Brasil e no mundo da saúde de travestis e transexuais, sob a ótica dos direitos humanos.

Segundo a Dra. Maria Amélia Veras, professora Faculdade Santa Casa SP e coordenadora do encontro e do Projeto Muriel, esse grupo de pessoas tem dificuldade de obter serviços básicos e comuns aos cidadãos. “Podemos dizer que este público é estigmatizado em serviços de saúde, instituições educacionais, na comunidade onde vivem, o que pode resultar em uma evasão escolar precoce, impedir a qualificação, dificultando o ingresso no mercado de trabalho e, quando conseguem o emprego, podem enfrentar novas barreiras. As dificuldades no acesso a serviços de saúde, onde com frequência podem ser vítimas de preconceitos, tornam essas pessoas mais vulneráveis a doenças, por exemplo, as sexualmente transmissíveis”, explica a professora.

O Seminário gratuito é dirigido a alunos de pós-graduação, pesquisadores e profissionais que lidam com a população de travestis e transexuais – especialmente das áreas de saúde e direito – a membros de órgãos de Direitos Humanos, do sistema judiciário, e da própria comunidade de travestis e transexuais. A programação do encontro contará com a realização de uma mesa-redonda, em que participam a professora Sofia Gruskin, da University of Southern California (EUA), o cartunista Laerte Coutinho, e a professora Larissa Pelúcio, da Unesp Bauru. A esta mesa segue-se a apresentação dos projetos Muriel, por uma das suas pesquisadoras, Marcia Giovanetti, do CRT-DST/AIDS, e PopTrans, desenvolvido em Salvador, sob coordenação da professora Inês Dourado, da Universidade Federal da Bahia.

Serviço

I Seminário de Direitos Humanos e Saúde: um olhar sobre a população de travestis e transexuais
Data: 12/9/2014, sexta-feira
Horário: 13h00
Local: Anfiteatro Prof. Dr. Emilio Athié – Rua Dr. Cesário Motta Júnior, 112 – Vila Buarque, São Paulo (SP)

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 49, em 9/9/2014. Assine nossa newsletter:
http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Anúncios

Sobre Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo
A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP) é uma instituição de ensino superior com mais de 50 anos de atividades. Tem como mantenedora a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, que também incentiva a realização ou a participação em pesquisas nos âmbitos científico e técnico e estimula, pela promoção ou participação, estudos nas áreas médica, sanitária e social. Oferece cursos de graduação em Medicina, Enfermagem e Fonoaudiologia; graduação tecnológica em Radiologia e em Sistemas Biomédicos, além de diversos cursos de pós-graduação (especialização lato sensu, mestrado ou doutorado) e pós-doutorado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: