Secretaria de Apoio à Pesquisa permite que professores se dediquem à área científica sem se preocuparem com questões burocráticas

Além de ser referência no setor de educação, a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo também se destaca na área cientifica. Desde 2007, a Instituição conta com a Secretaria de Apoio à Pesquisa (SAP), idealizada para viabilizar aspectos administrativos relacionados aos projetos realizados por pesquisadores da Faculdade, permitindo, assim, que eles possam se dedicar plenamente às pesquisas.

Dra. Lia Mara Rossi - Faculdade Santa Casa de SPA Dra. Lia Mara Rossi, professora assistente do departamento de Ciências Morfológicas da FCMSCSP e supervisora da SAP, afirma que a Secretaria atua como órgão facilitador e contribui para evitar que os pesquisadores fiquem desmotivados pelas questões burocráticas relacionadas à pesquisa.

“Os pesquisadores escrevem o projeto e nós realizamos os cadastros nos sistemas eletrônicos, providenciamos os orçamentos e a coleta de documentos institucionais e assinaturas. Também fica sob nossa responsabilidade o auxílio para que o projeto seja confeccionado de acordo com a normativa da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), bem como a submissão, acompanhamento das decisões dos revisores, compras dos itens concedidos, cumprimento dos prazos de relatórios e afins e principalmente, a prestação de contas. Trabalhamos em conjunto com Prof. Dr. Hudson Sousa Buck, responsável pelo Núcleo Pedagógico do Instituto de Pesquisa da Santa Casa, que revisa o projeto e sugere correções, quando pertinentes”, afirma.

A SAP recebeu treinamento na sede da Fapesp, ministrado por uma equipe coordenada pela Gerência de Apoio, Informação e Comunicação (GAIC), pela Gerência Financeira e pela Auditoria da entidade. Com isso, passou a ser um Escritório de Apoio Institucional ao Pesquisador (EAIP) de referência, habilitado a apoiar a gestão administrativa dos suprimentos, a organização de documentos e a prestação de contas.

Para a Dra. Lia, a SAP tem atingido seus objetivos. “Disponibilizamos auxílio integral aos doutores e seus alunos, em todas as fases da pesquisa. Recebemos continuamente visitas de outras faculdades, universidades e institutos que chegam até nós sob recomendação da Direção Científica da Fapesp, para conhecer nossa lógica de atuação junto aos pesquisadores”, completa.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 32, em 10/12/2013. Assine nossa newsletter http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Anúncios

Programa Santa Maluquice leva alegria e humanização às crianças internadas no complexo hospitalar da Santa Casa de São Paulo

Santa MaluquiceNo dia 11 de dezembro, quarta-feira, os alunos da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo realizarão mais uma ação do programa Santa Maluquice nos departamentos de Pediatria, Ortopedia e UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo.

Formado por estudantes dos cursos de Medicina, Enfermagem e Fonoaudiologia da FCMSCSP, o Santa Maluquice tem como objetivo promover ações que tornem mais humanizado o período em que as crianças permanecem internadas no complexo hospitalar. Com isso, o projeto busca amenizar situações como: o distanciamento da família, restrições às atividades físicas e a mudança radical de ambiente, pois, além de estarem doentes, os pequenos se veem fora de sua rotina.

Por meio da realização de brincadeiras, atividades lúdicas e de trabalhos manuais, os alunos proporcionam às crianças momentos de alegria, resgatando o que há de saudável nelas, estimulando-as ao bem-estar e à familiarização com a unidade pediátrica. Ao longo do ano, são promovidas festas em datas especiais, como Dia das Crianças e Natal, mudando o cotidiano hospitalar e, assim, beneficiando os pacientes e seus acompanhantes.

De acordo com Fernanda Martinho, aluna do 3º ano do curso de Medicina e colaboradora do programa, desde o mês de novembro, a equipe está arrecadando brinquedos na sede da Instituição. “Na manhã do dia da entrega, passamos pelos departamentos para ‘recolher o bom dia’, o que é, na verdade, a contagem de quantas crianças estão hospitalizadas. Mais tarde, levaremos um Papai Noel, um palhaço e outros personagens lúdicos. Faremos uma divertida festa e entregaremos os presentes”, afirma.

O Santa Maluquice é uma atividade extracurricular universitária, vinculada ao Departamento de Pediatria e Puericultura da Faculdade Santa Casa de São Paulo. Tal iniciativa para a humanização do hospital deu-se a partir do voluntariado dos alunos da Instituição que buscavam amenizar as dificuldades dessas crianças internadas.

Com o auxílio da então chefe do Departamento de Pediatria e Puericultura da Santa Casa, Dra. Maria Teresa Gutierrez, foram dados os primeiros passos e o que era um projeto ganhou força e adesão dos alunos da graduação em Medicina, seguido pelo apoio dos estudantes dos cursos de Enfermagem e Fonoaudiologia. Desde essa época, o Santa Maluquice é mantido pelos estudantes da Faculdade que acreditam na promoção da alegria e do amor.

“Acredito ser importante levar um pouco de alegria para essas crianças, principalmente, nesta época do ano. Outro fator relevante é colocar em prática a questão da humanização. Nem sempre nós conseguimos dar brinquedos grandiosos para elas, mas receber como contribuição um sorriso e um muito obrigado não tem preço”, declara Fernanda.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 32, em 10/12/2013. Assine nossa newsletter http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Estudantes de Medicina da Faculdade Santa Casa de SP atuam como voluntários na campanha ‘Fique Sabendo’

Alunos de Medicina FCMSCSP

Dia Mundial de Luta contra a Aids: participação de alunos do curso de Graduação em Medicina da FCMSCSP na realização de testes

Por ocasião do Dia Mundial de Luta contra a Aids, estudantes de Medicina da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo participaram como voluntários da campanha “Fique Sabendo”, promovida pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo. Na ocasião, foram realizados testes gratuitos para HIV e sífilis.

A iniciativa, uma parceria com a Secretaria de Estado da Cultura, Centro de Referência da Diversidade e Projeto Quero Fazer, teve como objetivo incentivar o diagnóstico precoce das doenças sexualmente transmissíveis para que o tratamento ocorra em tempo adequado. O trabalho foi desenvolvido pelos organizadores em 277 municípios, nos dias 30/11 e 1º/12, sábado e domingo.

Alunos apresentam trabalhos de conclusão do curso de Graduação em Enfermagem da FCMSCSP

XII Mostra de Trabalhos Científicos FCMSCSPO curso de Graduação em Enfermagem da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo realiza nos dias 11 e 12 de dezembro, quarta e quinta-feira, das 7h às 15h, a 12ª Mostra de Trabalhos Científicos. O evento é voltado aos alunos e professores do curso e também a enfermeiros.

A coordenação é das professoras Dra. Marcia Regina Car e Mestra Dieime E. Pereira Faria Dias. Na programação, está prevista a exposição de pôsteres dos trabalhos dos alunos concluintes da 19ª turma de Enfermagem da FCMSCSP. As inscrições podem ser feitas diretamente no local do evento: Rua Dr. Cesário Motta Jr., 61, Vila Buarque, São Paulo (SP), Sala 26, 9º andar.