Dr. Claudio Fiocchi em palestra na FCMSCSP sobre doenças crônicas

Dr. Claudio Fiocchi, ex-aluno da 1ª turma da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São PauloNo próximo dia 18 de outubro, sexta-feira, das 8h às 9h, a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo receberá o Dr. Claudio Fiocchi, ex-aluno da primeira turma de Medicina, que irá proferir a palestra “Doenças Crônicas: o Preço da Evolução Humana”. O encontro faz parte da grade de eventos comemorativos dos 50 anos de fundação da FCMSCSP.

Dr. Claudio Fiocchi é professor de Medicina Molecular na Cleveland Clinic Lerner College of Medicine e no Departamento de Patobiologia no Lerner Research Institute. Integra também a equipe do Departamento de Gastroenterologia e Hepatologia no Digestive Disease Institute da Cleveland Clinic Foundation, em Cleveland, nos EUA. Atualmente o Dr. Fiocchi ocupa uma posição de destaque na Cleveland Clinic, sendo o titular da cadeira “Clifford and Jane Anthony” em doenças digestivas. Trata-se de uma posição em que o titular é reconhecido pelo alcance do trabalho desenvolvido e pela promoção de atividades de pesquisa e programas educacionais.

Entre os vários reconhecimentos do seu extenso currículo internacional, o Dr. Fiocchi foi Professor Visitante na Harvard Medical School, recebeu os prêmios “Henry Janowitz” da Crohn’s & Colitis Foundation of America e “International Herbert Falk” da Fundação Alemã Falk pela dedicação ao estudo das doenças inflamatórias intestinais, e é membro honorário da Academia Brasileira de Medicina.​

O evento será realizado nos auditórios Paulo A. Ayrosa Galvão e Emilio Athié, na Rua Dr. Cesário Motta Jr., 112, Vila Buarque, São Paulo (SP).

Anúncios

Semana de Atenção ao Trauma: participe e atualize-se

A  Semana de Atenção ao Trauma da Santa Casa de São Paulo, um dos eventos da programação comemorativa dos 50 anos da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, será realizada entre os dias 2 e 10 de novembro de 2013. Para consultar a programação e fazer a sua inscrição, consulte o site do evento, clicando aqui.

Semana de Atenção ao Trauma 02a10112013 Faculdade Santa Casa de SP em breve

Doenças cardiovasculares são responsáveis por 29,4% de todas as mortes registradas no Brasil no ano

Atualmente, as principais doenças fatais relacionadas ao coração são o infarto do miocárdio e a angina, que normalmente atingem indivíduos com mais de 40 anos, a maioria do sexo masculino, acometendo também cada vez mais mulheres. Segundo o Ministério da Saúde, em um ano, cerca de 308 mil pessoas falecem de infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral (AVC) no país. O infarto ocorre devido ao acúmulo de gordura e entupimento por coágulo das artérias coronárias. A doença é relacionada a hábitos como tabagismo, sedentarismo e dieta inadequada, assim como doenças frequentemente assintomáticas como hipertensão arterial, colesterol alto e diabetes.

Dr. Roberto Alexandre FrankenDiante do estresse e da correria do dia a dia, as pessoas nem sempre encontram tempo para cuidados com a saúde. O Dr. Roberto Alexandre Franken, professor titular do departamento de Clínica Médica da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, recomenda que, para evitar o infarto e outras doenças do coração, deve-se aferir a pressão arterial desde criança, dosar o colesterol e açúcar regularmente para o diagnóstico e tratamento precoce dos fatores de risco. Se houver histórico familiar ligado a problemas cardíacos, esses exames devem ser feitos desde a infância, a partir dos cinco anos de idade.

Prevenção

“Para a prevenção de doenças cardíacas, a pessoa deve se preocupar em fazer exames médicos e exercícios físicos regulares, bem como não fumar e principalmente evitar a obesidade central, que é mais comum no homem, que acumula gordura na barriga”, enfatiza o especialista.

Dr. Franken também reforça que qualquer indivíduo, a partir dos 40 anos, deve procurar anualmente um cardiologista. “Sabemos que o infarto atinge mais pessoas do sexo masculino. Contudo, está cada vez mais comum em mulheres, por conta da mudança de comportamento social, da inserção delas no mercado de trabalho, bem como pelo uso da pílula anticoncepcional e o fumo, que são fatores envolvidos nesse agravamento”, conclui.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 26, em 17/9/2013. Assine nossa newsletter http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo lança cursos tecnológicos de curta duração

Atualmente, o mercado de trabalho exige profissionais ainda mais capacitados e que acompanhem as mudanças e necessidades de cada área. Seguindo a evolução da formação acadêmica no Brasil, a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo apresenta os novos cursos: Graduação em Tecnologia em Radiologia e Graduação em Tecnologia em Sistemas Biomédicos, com duração de três anos cada.

Dr. Homero MeloO curso de Tecnologia em Radiologia da Instituição promove a experiência prática na produção de imagens hospitalares, contando com todo aparato da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. “Ao terminar a graduação, o profissional poderá atuar em todas as áreas da radiologia, que abrange radiologia convencional e contrastada, mamografia, tomografia computadorizada, ressonância magnética e medicina nuclear, e na radioterapia. O que o aluno aprende no curso também poderá ser aplicado no setor veterinário e no segmento industrial, pois muitas empresas utilizam aparelhos de raios-X, ultrassom e ressonância magnética para avaliarem seus produtos”, explica o Dr. Homero Melo, diretor dos cursos de Tecnologia da Faculdade Santa Casa de São Paulo.

Já no curso de Tecnologia em Sistemas Biomédicos, pioneiro na cidade de São Paulo, os estudantes serão capacitados para atuar no setor tecnológico da engenharia clínica, que engloba: aquisição, implantação e manutenção de equipamentos hospitalares, distribuição de produtos, gerenciamento da estrutura como refrigeração, acessibilidade, isolamento acústico e térmico, acompanhamentos de obras no ambiente hospitalar, entre outras atividades.

“O campo de atuação é muito amplo, podendo atuar em hospitais, policlínicas, laboratórios, fabricantes e distribuidoras de equipamentos hospitalares. Durante o curso, o aluno será apresentado a disciplinas que envolvem desde engenharia até a área da saúde, com uma carga prática muito intensa”, afirma o Dr. Melo.

De acordo com o diretor, essas graduações vêm ao encontro do momento aquecido e dinâmico pelo qual passa o mercado de trabalho, além de ser uma prática comum em todo o mundo. “Nos cursos de tecnologia, o aluno será altamente capacitado e estudará especificamente sua área de interesse, o que resulta em uma carga horária menor e mais dirigida. Ele não é melhor ou pior que o bacharel, é apenas diferente. Após concluí-lo, o indivíduo poderá fazer especializações, Mestrado e até Doutorado, algo que o curso técnico, que é mais básico, não permite”, diz.

Essa é mais uma iniciativa decorrente do planejamento estratégico da Faculdade Santa Casa de São Paulo que, em 2013, comemora o seu cinquentenário. Segundo o Dr. Valdir Golin, diretor da Instituição, a novidade mostra seu potencial e capacidade de renovação acadêmica contínua. “Nos consolidamos como uma Instituição de excelência no Brasil e estamos empenhados em evoluir cada vez mais, contribuindo para a formação de profissionais diferenciados para apoiar e cuidar da saúde da população do país”, enfatiza.

Serviço:
Cursos: Graduação em Tecnologia em Radiologia e Graduação em Tecnologia em Sistemas Biomédicos
Vagas: 50 para cada curso
Período de inscrição: de 17/9/2013 a 5/12/2013
Processo Seletivo: 8/12/2013
Duração do curso: 3 anos
Taxa de Inscrição: R$ 30,00
Inscrições: www.fcmsantacasasp.edu.br

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 26, em 17/9/2013. Assine nossa newsletter http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

FCMSCSP recebe visita de fonoaudiólogo de Portugal para aula sobre eletroestimulação

João Carlos Torgal BatistaCom o objetivo de promover a troca de experiências e expandir ainda mais o conhecimento acadêmico, a Faculdade de Ciência Médicas da Santa Casa de São Paulo recebeu a visita do fonoaudiólogo português João Carlos Torgal Batista. Durante sua passagem pelo Brasil, o profissional ministrou uma aula para os alunos da Faculdade sobre eletroestimulação em terapias da fonoaudiologia, além de conhecer a estrutura e o curso da Instituição.

“No ano passado, em um congresso no Brasil, conheci o Dr. Paulo Eduardo Damasceno Melo, professor da Faculdade Santa Casa de São Paulo. A partir desse contato, surgiu a oportunidade de visitar a Instituição”, diz.

De acordo com Batista, a aplicação da eletroestimulação nas terapias da fonoaudiologia é uma técnica recente tanto em Portugal quanto no Brasil. “A vantagem dessa visita é ter a chance de realizar um intercâmbio de ideias e formas de como trabalhamos e realizamos os tratamentos. Tem sido uma experiência muito positiva para mim. Espero, no futuro, repetir este tipo de iniciativa”, afirma.

Para a Dra. Ana Luiza Navas, diretora do curso de Fonoaudiologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e membro do Núcleo de Relações Internacionais da Faculdade, é importante compartilhar informações, não somente de conhecimentos científicos, mas também da atuação do fonoaudiólogo em outros países. “Nessa área, o Brasil tem ocupado um papel de liderança na América Latina. Sobretudo, esses intercâmbios enriquecem ainda mais nossa formação profissional”, explica.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 26, em 17/9/2013. Assine nossa newsletter http://www.fcmsantacasasp.edu.br.

Atenção ao Trauma: evento oferece diversos cursos na área

Entre os dias 2 e 10 de novembro, será realizada a Semana de Atenção ao Trauma da Santa Casa de São Paulo, um dos eventos da programação comemorativa dos 50 anos da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. O encontro prevê a realização de cursos das diferentes profissões e especialidades que atendem traumatizados e tem o apoio da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e da FCMSCSP.

Semana de Atenção ao Trauma - Faculdade Santa Casa de SPDe acordo com o Dr. José Gustavo Parreira, coordenador da Semana de Atenção ao Trauma, o atendimento ao traumatizado é uma função diária de todos os médicos que trabalham em serviços de emergência e pronto-socorros. Somente em 2010, mais de 143 mil vítimas de trauma morreram no Brasil, o que corresponde a, aproximadamente, 392 mortes por dia e 16 por hora. Para consultar a programação e fazer a sua inscrição, consulte o site do evento, clicando aqui.

Importância da disciplina de Geriatria acompanha envelhecimento da população mundial

Dr. Milton Luiz Gorzoni - FCMSCSPDe acordo com o IBGE, 7,4% da população brasileira é idosa, isso representa 14,9 milhões de pessoas. Em 2060, serão 58,4 milhões, ou seja, 26,7% da população do país. O aumento do número de pessoas na terceira idade é uma das razões da importância da disciplina de Geriatria, é o que explica o Dr. Milton Luiz Gorzoni, professor adjunto do departamento de Clínica Médica da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

“A disciplina de Geriatria ainda é optativa, porém, a partir de 2015, fará parte da grade curricular do curso de Medicina. Isso vai ao encontro do envelhecimento da população mundial”, diz.

Segundo o Dr. Gorzoni, a disciplina visa, primeiramente, orientar e formar o aluno para que ele possa reconhecer doenças e situações peculiares dos idosos. O objetivo é minimizar o grau de dependência de outras pessoas e ainda colaborar para que tenham uma vida mais saudável.

“Sempre citamos que a área engloba os cinco ‘is’, que são doenças relacionadas ao: intelecto, imobilidade, instabilidade, incontinência e iatrogenia, que é o uso excessivo de remédios”, fala o especialista.

O professor conta ainda que existe uma carência de geriatras no Brasil. “O país possui 5.570 municípios, e o número de profissionais na área está por volta de 1.000. Precisamos de mais pessoas atuando neste setor”, finaliza.

Texto originalmente publicado no boletim Conectar, edição 26, em 17/9/2013. Assine nossa newsletter http://www.fcmsantacasasp.edu.br.